O site do Gourmet trabalha com tecnologias recentes e seu browser pode não suportar todos os recursos.
Sugerimos que atualize a versão do seu navegador para ter acesso a todo o site.
Fechar esta notificação
Compartilhar Compartilhar Compartilhar Compartilhar
  • Julio Gostisa

    Ol, seja bem-vindo ao meu blog no Gourmet. Sou um apaixonado pela indstria da comunicao e pelo mundo dos vinhos h anos! Escrever sobre vinhos subjetivo, mas quando feito com dedicao serve sim para ajudar o leitor a ganhar mais confiana. Facilitando que ele venha conhecer novas regies, uvas, vincolas ou at mesmo safras. Portanto, a ideia deste blog passar de maneira objetiva informaes uteis sobre produtores, tipos de vinhos, regies, viagens, harmonizaes ou at mesmo lanamentos no mercado gacho. Juntos iremos nos surpreender com esta indstria e no final voc certamente ir aprender a confiar mais em seu paladar!

Contedo de   Blogs#Julio Gostisa :: 

Ritual ou Rotina?

17/06/2016     16h09

De acordo com o dicionário eletrônico Michaelis, Ritual tem a seguinte definição: conjunto das regras a observar; etiqueta, praxe, protocolo. Como nesta coluna prometi falar sempre de vinhos, lá vamos nós:
Vinho merece atenção, antecipação e, se for bom, merece até mesmo um ritual de abertura! Se você puxar pela memória, certamente irá lembrar de algum momento mágico em que um exemplar digno de celebração foi aberto para fugir da rotina. Isso mesmo, devemos viver para quebrar a rotina e por isso reforço que precisamos sempre criar rituais de admiração para aquilo que nos faz bem.
No meu caso, lembro facilmente de um vinho que merece um protocolo de abertura. Estou falando do Patron Gran Reserva da Vinícola El Zorzal, de Mendoza, na Argentina. Este vinho merece descansar por pelo menos uma hora num decanter, merece estar na temperatura certa e merece pouca comida. Isso mesmo, nada de confundir o paladar, exageros, misturas, molhos e quedas de braço para harmonizar. Este vinho merece ser degustado!
Vinho elaborado com carinho pelo enólogo Manuel Lopez e distribuído com exclusividade no Brasil pela Velha Laje de Canela. Elaborado com uvas cabernet sauvignon, merlot e um leve toque de syrah, sendo algumas das vinhas com mais de 20 anos. Resultando em um produto elegante, estruturado e complexo que lembra de maneira cativante tanto o Velho, como o Novo Mundo! Um vinho sem igual, delicado e poderoso. O Gran Reserva somente é produzido em safras excepcionais (2002 / 2003 / 2005 e agora disponível na safra 2007).
Termino meu texto perguntando, a você leitor, se também possui algum vinho em sua memória que merece ritual de abertura? Algum vinho que é normalmente aberto em momentos especiais? De grande antecipação e alegria? Mande foto do vinho com comentários da ocasião e quem sabe podemos até mesmo divulgar ou criar um novo ritual juntos para este blog?
Lembre-se: se beber, não dirija.

Comentários